José Kappel

Um amor sobrevive ao outro.

Textos

Vida Entrelaçada
"Minha vida está entrelaçada à sua. Se você ri, sou feliz; se choras, sou parte das lágrimas. Se você nasceu, eu também surpreendi os deuses e surgi. Nós somos uma vida de dois, embutida em uma. O que você sente, me rebate. Somos espíritos diante da surpresa. Para conjugar este feixe de sentimentos e ações há, talvez, necessidade de centenas de anos, para que a gema de nós dois se transforme em uma. Chama-se espíritos, não sei. Mas o que simplesmente me surpreende é que, por vezes, sinto bem próximo a mim algo que me ameia, um sentimento de enlace e profundo conhecimento. É uma atração. É você... Não há sugestões para tentar explicar. O que você é hoje, talvez a milhares de quilômetros longe de mim, eu sou aqui, a metros de distância, entre a realidade, o sonho e a morte."
José Kappel
Enviado por José Kappel em 21/06/2017
Alterado em 27/07/2017


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras