José Kappel

Um amor sobrevive ao outro.

Textos


Minha vida é um pouco dengosa
Vivo aqui, remoejo por lá,
danço até valsa dos  portentosos.
Mas certeza eu tenho, nossa!
Todo mundo quer o que todo mundo
quer.

 
José Kappel
Enviado por José Kappel em 07/11/2019
Alterado em 07/11/2019


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras