José Kappel

Um amor sobrevive ao outro.

Textos

Meus 5 Táxis
Li num Blog - um texto de uma mulher  adorada de cidade grande. Vou tentar responder a mensagem dela.

E ela se esmirrou em enaltecer São Paulo. E desfilou uma cifra interminável das coisas que a cidade tem ( de bom).

Dentre tantas maravilhas, ela diz que São Paulo tem 36 mil táxis, enquanto Nova Yorque tem somente 30 mil. Uma coisa assim.

Olha, minha amiga, adoro São Paulo - vivi lá 5 anos - opressivo, desanimado, com pouco dinheiro, um mísero trabalho,e sempre,  com um psiquiatra à tiracolo. Uma coisa de dar pena.

Pois agora vivo numa cidadezinha que tem 5 táxis, uma pracinha de namorar, uma igreja, carroças de bois.E está sempre florida por jasmins, cujo odor invade a cidade e as pessoas.  Essas coisas de cidade pequena.

E daqui não quero sair. Em São Paulo, no meu apartamento, eu tinha uma fechadura-padrão, mais 5 outras pra me proteger. Assim mesmo, fui roubado.

Cidade grande é cidade de ninguém. Você tem um vizinho, mora ao lado dele, entra no elevador de manhãzinha, e nem bom-dia a gente dá - com medo.

Por tudo isso eu fico com meus cinco táxis e você com os 36 mil.
José Kappel
Enviado por José Kappel em 25/04/2006


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras