José Kappel

Um amor sobrevive ao outro.

Textos

Definições Esquisitas
Larápio - Homem dedicado ao lar onde não dá um pio.

Centurião - Era o homem, em Roma, que fazia os leões sentarem.

Fanático - Homem que se dedica a salvar os apáticos.

Técnico em computador - Aquele que não é encontrado em lugar nenhum,quando você mais precisa.

Jornada - Aquele que trabalha em jornal.

Avião - Provoca sensação padronizada de queda.

Repetição - Coisa que não sai do lugar.

Vigarista - Homem que segura a viga enquanto o outro faz a lista.

Despertador -  Aquilo que, se apertar, desperta no ser humano, intensa dor.

Hora Marcada - Hora vigiada, perseguida.

Sensação - Quando o homem manda seu cão sentar.

Persecutório - Doente mental que persegue consultórios.

Frio - Aquilo que não chega enquanto  o Serviço de Meteorologia não  anuncia uma. Só vem do Sul. Nunca, na história, uma frente fria chegou do norte.

Caos  - O que cria  confusão no cão.

Pesquisa -  Aquilo que só acontece com os outros.

Senha - Aquilo que serve para serrar a lenha.

Lua - Quem teve lá não quer mais voltar.  

Vigia - Homem indormível.

Lâmpada - Só tem duas utilidades: ficar acesa ou apagada.

Investigador - Ciência médica dedicada a descobrir onde dói.

Pulga - Animal mamífero especializado em fazer a gente se coçar.

Manual - Livreto técnico dedicado a outro técnico.

Câncer - Doença que só dá nos outros.

Gay - Dizem que ninguém vive sem um, nem que o um seja o próprio.

Dubiedade - O homem quando chega a uma certa idade.

Cracker - Jogador de futebol. Costuma-se dizer: " ele é um cracker ! "

Latrina - Homem que possui vários cães que latem ao mesmo tempo.

Almanaque - Descrição de inutilidades que o homem inventou.

Sono - Aquilo que acontece exatamente na hora que você levanta.

Fútil - Vem do latim Útil. Crássio, o romano, quando queria encontrar com alguma mulher dizia pra seu imediato: chama a fútil desta noite.

Viga - Aquilo que todo mundo põe a mão ou se apoia.

Ponte-Aérea - Coisa de mentira.  O avião existe, mas a ponte não. Não é igual à Ponte- Rio-Niterói

Banheiro Público - Vive sendo insistentemente colocado em locais dos privados.

Cidade - Conglomerado de sexo avulso.

Horóscopo - Aquilo que os jornais publicam todo o dia e a gente acredita.

Segredo - Aquilo que todo mundo conta prá todo mundo.

Equilíbrio - Pessoa que adora uma corda bamba.

Turismo - Ver o mundo e depois contar o que viu.

Líbido - Funciona a qualquer hora do dia ou da noite.  A palavra é de origem libanesa: "libibumbum".

Governo - Aquilo que está sempre em lugar nenhum e nunca fazendo nada.

Ladrão - O que possui um cão que não ladra.

Vigarista - Aquele que segura a viga enquanto o outro olha a vista.

Prostituta - São tantas as categorias que fica impossível enumerá-las.

Velhice  - Homem que vai sendo empurrado prá fora, até sumir completamente. No momento, a velhice só conquistou vagas em estacionamento.

Manicure - Uma das variantes da Internet.

Concordância - Aquele que concorda com sua ânsia.

Nó - Ninguém sabe como surgiu. Dá geralmente na garganta.

Política -  A arte de fazer tudo legalmente, apoiado no ilegalmente.

Vazio Político: O governo da Braziland´s House nas Ilhas Money, próximo ao Horse´s 89.

Potência: Aquilo que os carros têm e os homens invejam.

Absurdo: Conversar com um homem surdo.

Idade: Quem não se valida, só faz a unha.

Computador - Aquilo que só funcona quando o ténico quer.

Liquidificador: Aquilo que o médico faz para acabar com a dor.

Sapiência: Aquele homem que coleciona sapos.

Tv Pública : A tv que começa a funcionar às 8 e termina às 17h.

Padre - Homem que detesta tudo que arde.

Banco - Estabelecimento altamente inocente, tanto que ,ao colocar a mão na porta, até o manco já está pagando.

Sensata - Mulher burocrática que passa o maior tempo  sentada  e, no escritório. Trabalha redigindo ata.

José Kappel
Enviado por José Kappel em 20/01/2008
Alterado em 23/03/2008


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras